segunda-feira, 19 de novembro de 2012

PALÁCIO DA MITRA EM MARVILA



Palácio da Mitra em Marvila


Palácio da Mitra é uma denominação comum a alguns palácios episcopais portugueses.
Este fica situado na freguesia de Marvila, em Lisboa.
Palácio da Mitra – Construção do Século XVII
Trata-se de uma construção do século XVII, que sofreu algumas alterações no século XVIII. Terá sido residência dos prelados de Lisboa, entre os quais D. Luís de Sousa, que terá nascido em 1676 e terá falecido em 1702.
Constantes Remodelações
 Este palácio foi muito remodelado, no século XVIII, por D. Tomás de Almeida, o primeiro Cardeal Patriarca de Lisboa. Foi obra sua a calçada da estrada, a capela, bem como o aporte de azulejos, pinturas e tapeçarias para o palácio.
Possuía um cais privativo e, ao fundo, encontravam-se as cocheiras.
No ano de 1834 é incorporado na Fazenda Pública. Lá, terá falecido o Cardeal Saraiva.
Por várias vezes, o Palácio da Mitra passou de mãos, ao ser vendido.
 Contudo, o edifício foi sofrendo várias alterações ao longo do tempo:
Finalmente, em 1902, foi adquirido por António Centeno, que o vende a um sócio. Este último instala no Palácio a Fábrica Seixas, fábrica do ramo da metalurgia e fundição: nos salões do palácio, funcionavam os escritórios; nas cocheiras, a fábrica.
Mais tarde, a fábrica foi o asilo da Mitra e, depois, uma fábrica de licores.
Funcionou também como biblioteca municipal e museu da cidade.


Palácio de Mitra na Atualidade
Hoje em dia, é propriedade da Câmara Municipal de Lisboa, que o adquiriu em 1930. É ocupado por diversos serviços da Câmara e pelo Grupo de Amigos de Lisboa.
O edifício tem as seguintes particularidades:
- salas e escadarias ornadas de silhares de azulejos;
- tetos painelados com pinturas ornamentais;
- painel rococó tardio no jardim superior.
Todavia, o que resta da construção original é o jardim com um painel rococó tardio.
Localização do Palácio
 O Palácio da Mitra tem a seguinte localização: Rua do Açúcar, n.º64, Marvila, 1950-009, em Lisboa.
Existe um outro Palácio da Mitra, situado em Santo António do Tojal, em Loures, igualmente mandado construir por Tomás de Almeida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário